Telefone/Fax: (67) 3317- 6955
Rádio
Perpétuo Socorro
CLÍQUE PARA OUVIR
MAIS NOTÍCIAS

Ações de saúde, sociais e caminhada da paz integram programação de hoje
18 DE AGOSTO

Semana termina com chuva, mas frio de 7ºC só chega na segunda-feira
18 DE AGOSTO

Vaticano anuncia enviado do Papa para os 300 anos de Apareci
17 DE AGOSTO

Funsat Itinerante faz atendimentos no Jardim Aeroporto nesta quinta-feira
17 DE AGOSTO

Quinta-feira de tempo nublado e chuva com trovões em todo o Estado
17 DE AGOSTO

Papa expressa solidariedade às vítimas da tragédia em Serra Leoa
16 DE AGOSTO

Estado tem mínima de 16°C e previsão de chuvas isoladas continua
16 DE AGOSTO

Programação dos 118 anos tem ações sociais para o público nesta terça-feira
15 DE AGOSTO

Previsão de chuva para MS continua com maior intensidade na região sul
15 DE AGOSTO

No Twitter, Papa convida jovens a participarem do Sínodo 2018
14 DE AGOSTO

Sinpol-MS aciona Justiça para suspender concurso da Polícia Civil

Campo Grande News, 10 de Junho, 2017
Alegando preocupação "com as futuras gerações de policiais civis", o Sinpol-MS (Sindicato dos Policiais Civis de Mato Grosso do Sul) entrou nesta sexta-feira (9) com uma ação na Justiça para tentar barrar o concurso público anunciado recentemente pelo Governo do Estado para a categoria.

Segundo a instituição, apesar de ter carta sindical de todas a carreiras da Polícia Civil, os dirigentes da entidade foram impedidos de atuar na produção de todos os atos publicados no edital.

De acordo com o Sinpol, a situação compromete a lisura do pleito, que deve ter "transparência e idoneidade" para que todos os candidatos consigam concorrer em igualdade a todas as vagas oferecidas, em todas as fases.

"O Sinpol-MS salienta que está constantemente lutando pelos direitos dos policiais civis, inclusive neste momento está acampado em frente à governadoria reivindicando remuneração e condições de trabalho dignos para os que já estão no quadro e para os futuros colegas", frisa nota publicada no site oficial do sindicato.

No texto, também pedido que os candidatos que vão se inscrever no concurso apoiam a causa levantada pelos policiais que estão na ativa. "Para que no futuro todos possam desfrutar, juntamente com seus familiares, de uma Polícia Civil mais justa, igualitária e que valoriza seus servidores", conclui.

Acampamento - Os policiais civis são uma das categorias que reivindicam reajustes salariais do Governo do Estado. Para isso, alguns deles estão acampados desde quarta-feira (7) em frente da Governadoria, no Parque dos Poderes.

No local, até churrasco e bife na chapa em plena tarde de quinta-feira (8) foram feitos nas tendas. A intenção é justamente chamar a atenção da população para os pedidos feitos pela categoria. "É uma manifestação pacífica e legítima, a intenção é chamar a atenção das pessoas que passam para que nos deem apoio”, diz o presidente do Sinpol, Giancarlo Miranda.

Concurso - O Governo do Estado lançou na quinta-feira (8) o concurso público da Polícia Civil, que oferecerá um total de 210 vagas, sendo 30 delas para o cargo de delegado, 100 para escrivão e 80 para investigador.

O salário oferecido para delegado é de R$ 14.978,26, enquanto o vencimento para escrivão e investigador fica em R$ 3.888,26, mais abono de R$ 300. O edital foi publicado no DOE-MS (Diário Oficial do Estado de Mato Grosso do Sul) de quinta e as inscrições são realizadas até o dia 10 de julho, pelo site http://www.fapems.org.br/.


Campo Grande News, 10 de Junho, 2017